Nossas Sugestões

3 tecnologias que podem afetar o varejo nos próximos anos

3 tecnologias que podem afetar o varejo nos próximos anos

Por Redação Blog Gazin Atacado • 24/05/17

A evolução da tecnologia tem mudado drasticamente a maneira como as pessoas compram e se relacionam com as lojas. E, tão rápido quanto novas ferramentas tecnológicas surgem, o consumidor e o mercado também mudam e novas tendências de consumo aparecem.

Pois é, são muitas transformações acontecendo ao mesmo tempo! Por isso mesmo, é normal que às vezes você se sinta desatualizado e preocupado em não estar seguindo todas as tendências do momento. Já sentiu isso?

Pensando em ajudá-lo a conhecer e entender melhor as tecnologias que devem afetar o varejo nos próximos anos, reunimos neste artigo três importantes conceitos e ferramentas que todo lojista deve ficar de olho. Acompanhe!

3 tecnologias que podem afetar o varejo nos próximos anos

Consumer Electronics Show (CES) é uma das maiores e mais respeitadas feiras de tecnologia do mundo. As tecnologias a seguir estiveram em destaque na edição de 2017 e podem influenciar as tendências de consumo dos próximos anos.

1 – INTERAÇÃO POR VOZ

tendências de consumo

A interface de voz é uma tecnologia que permite que as pessoas interajam com algum aparelho apenas por meio de um comando de voz – sem precisar tocar na tela ou digitar algo. De acordo com análises da Google, essa tecnologia é extremamente eficiente pois reduz atritos de compra e pesquisa e, principalmente, ajuda a democratizar o acesso à informação.

Para você ter uma ideia, as pessoas conseguem escrever, em média, 40 palavras por minuto, mas são capazes de dizer 150 palavras no mesmo intervalo de tempo. Ou seja, dispositivos com interface de voz podem facilitar a pesquisa e a compra de produtos e serviços, podendo gerar uma nova tendência de consumo.

Aqui no Brasil, o número de buscas contendo a expressão “OK, Google” (comando de voz do Google) cresceu mais de 85% em 2016.

Além disso, é importante que os profissionais da sua loja estejam atentos aos produtos que possuem essa tecnologia para que eles possam apresentar esse diferencial na hora do atendimento. Grande parte dos smartphones, por exemplo, já possuem comandos por voz.

2 – INTERNET DAS COISAS

tendências de consumo

Você já ouviu falar nesse termo? Internet das coisas é o conceito relacionado ao desenvolvimento de produtos conectados à internet. São objetos “inteligentes”, que podem acessar a web, armazenar dados, compartilhar informações e interagir com os usuários.

Quer um exemplo de internet das coisas na prática? Existem geladeiras com conexão à internet, que conseguem identificar os produtos armazenados e sugerir receitas com aqueles ingredientes específicos. Além disso, também podem acessar e-mail, mostrar a previsão do tempo etc. Clique aqui para conhecer uma geladeira desse tipo.

Mas a geladeira é apenas um exemplo da aplicação da internet das coisas. Já existem escovas que analisam a saúde do cabelo, pijamas que ajudam a recuperação de atletas e muito mais.

Essa tecnologia afeta o varejo de duas formas: primeiro, porque comprar por meio desses objetos “inteligentes” pode se tornar uma nova tendência de consumo. Então, é mais um canal em que a loja precisa ficar de olho. E, segundo, que nos próximos anos os clientes estarão cada vez mais atentos a essas funcionalidades, e a possibilidade de o aparelho ou objeto poder se conectar à internet vai ser um diferencial de venda cada vez mais importante.

3 – REALIDADE VIRTUAL

tendências de consumo

Realidade virtual, como o próprio nome diz, é a tecnologia que permite conectar os dois mundos: o mundo real e o mundo virtual. O objetivo é passar a sensação de realidade por meio de ferramentas digitais que promovem efeitos sonoros, visuais e até táteis.

No CES 2017 foram apresentados alguns exemplos mais recentes dessa tecnologia, tais como uma roupa de cama infantil que vira historinha quando filmada com o tablet, jogo de realidade virtual sendo usado no treinamento de atletas para a prevenção de lesões e transmissão de jogos como se o espectador estivesse na primeira fila da arquibancada.

A realidade virtual tem se consolidado como uma das principais tecnologias da atualidade e também pode se tornar uma tendência de consumo para os próximos anos.

Essa tecnologia pode ser utilizada pelos varejistas como uma estratégia de enriquecer a experiência de compra na loja física e também como uma forma de trazer o mundo real para o ambiente online.

Imagine, por exemplo, que o seu cliente possa, por meio dos óculos de realidade virtual, ver como os móveis expostos na sua loja ficarão na sala dele. Ou, ainda, que o consumidor possa ver os produtos no site como se ele estivesse vendo ao vivo. Isso já não é “coisa de filme” e deve ser algo cada vez mais comum no varejo!

Interessante, não?

Acredite: no futuro, seu sucesso vai depender da utilização de ferramentas, tecnologias e tendências como as citadas até aqui. Não deixe de estudá-las e de pensar em como utilizá-las na sua empresa. Isso pode fazer toda a diferença!

Conheça mais tendências de consumo que podem influenciar seu trabalho

O que você achou dessas tendências de consumo? Já conhecia essas tecnologias? Elas já estão presentes em sua loja? Deixe um comentário com suas dúvidas e opiniões sobre esse tema. Sua participação enriquece nosso trabalho!

Sucesso e boas vendas!

Informações: Think with Google   |   Imagens: FreepikFlaticon

Quer mais novidades Gazin Atacado? Curta nossa página!


1 | Deixe seu comentário
Recomende este post: 5
Compartilhe:

Fique atualizado com o mercado.
Receba os artigos do Blog do Varejo por E-mail.

Temas relacionados

Post Relacionados

1

comentários em "3 tecnologias que podem afetar o varejo nos próximos anos"

Comentar

Em destaque no Blog do Varejo