Nossas Sugestões

Tendência pet-friendly na hotelaria

Tendência pet-friendly na hotelaria

Por Redação Blog Gazin Atacado • 21/02/17
  • O Brasil tem a segunda maior população de pets do mundo, com 22,1 milhões de felinos e 52,2 milhões de cachorros.
  • A venda de produtos e serviços para animais de estimação fatura, pelo menos, 19 bilhões de reais por ano no país.

Essas estatísticas mostram o crescimento do mercado especializado em animais de estimação. E não é só no Brasil. Em todo o mundo, cada vez mais surgem produtos e serviços específicos para esse público.

E se, antes, eles eram privados das viagens em família, agora, já é possível ver cães e gatos presentes no lobby de muitos hotéis.

Se você está pensando em aderir a essa tendência, este artigo é pra você! Explicamos tudo sobre o conceito de pet-friendly (ou seja, amigável aos animais de estimação) na hotelaria e revelamos o que você deve levar em consideração na hora de avaliar se vale a pena ou não oferecer esse tipo de serviço em seu hotel ou pousada. Acompanhe!

pet-friendly hotelariaO que é ser pet-friendly na hotelaria

Significa que o seu hotel ou pousada aceita hospedar animais de estimação, que o estabelecimento possui estrutura especial para abrigar os cães e os gatos dos hóspedes e que também oferece serviços focados nos pets.

Por que ser pet-friendly

Uma pesquisa feita pelo TripAdvisor com 1.100 viajantes mostrou que 53% deles viajam com seus animais de estimação e 52% só ficam em um hotel se ele for pet-friendly. Pois é, números bastante expressivos!

Além disso, o estudo também descobriu que 35% dos donos de pets acabam fazendo viagem mais curtas por causa dos animais e que 25% viajam menos para não deixar seus cães e gatos para trás.

Atentos a esse movimento, muitos estabelecimentos vêm aderindo a essa tendência. Tanto é que, de acordo com o site Turismo 4 patas, a oferta de estabelecimentos pet-friendly cresceu 35% no país entre 2010 e 2015.

Então, se o seu hotel não é pet-friendly, saiba que, provavelmente, na sua região existe algum estabelecimento que já é! O que significa que você pode estar perdendo grandes oportunidades por não oferecer essa possibilidade aos viajantes.

Ou seja:

  • pet-friendly hotelariaExiste uma boa parte dos viajantes que ativamente escolhe um determinado hotel ou pousada pelo fato de o estabelecimento aceitar animais de estimação.
  • E ainda, você pode ganhar muitos hóspedes oferecendo esse tipo de serviço e ajudando eles a curtirem as férias com seus pets.

Sites como Turismo 4 patasRoteiro Animal ajudam os viajantes a selecionarem os hotéis e pousadas que aceitam animais de estimação em diferentes cidades. Além disso, no TripAdvisor, os usuários podem filtrar a busca por hospedagem selecionando apenas aquelas que aceitam animais.

Como fazer seu hotel ou pousada ser pet-friendly

Mas apenas dizer que aceita cães e gatos não faz do seu hotel pet-friendly. É preciso criar uma estrutura especial para receber os fiéis companheiros de seus hóspedes.

Por isso, antes de investir nessa tendência, é importante avaliar se o seu estabelecimento está preparado para isso e se vale a pena oferecer esse tipo de serviço para os seus clientes.

As dicas abaixo irão ajudá-lo nesse processo:

1 – Conheça seu público

pet-friendly hotelariaDe nada adianta seu hotel ou pousada ser pet-friendly se isso não estiver alinhado com o perfil dos seus hóspedes. É claro que aceitar animais de estimação pode trazer novos clientes para o seu estabelecimento, porém, você não vai querer prejudicar o relacionamento que tem com os hóspedes que já são fiéis ao seu hotel, certo?

Portanto, antes de aderir a essa tendência, faça uma pesquisa com seu público para entender se esse serviço interessa a eles e, mais importante, se eles têm algum problema com o fato de o hotel aceitar animais de estimação – existem pessoas que são alérgicas a pelos de gatos ou cachorros, por exemplo, e que com certeza deixariam de se hospedar em um estabelecimento pet-friendly por causa disso.

2 – Analise a estrutura do seu hotel

pet-friendly hotelariaAntes de colocar a plaquinha de boas-vindas aos animaizinhos de estimação de seus clientes, analise se o seu hotel tem estrutura para recebê-los com qualidade. Algumas perguntas que devem ser respondidas:

  • Há espaço para os cães e gatos passearem?
  • Será oferecido uma cama especial para hóspedes com animais de estimação?
  • Como funcionará o processo de limpeza dos quartos e roupas de cama onde os pets estiverem presentes?
  • O hotel vai oferecer alimentação para cães e gatos?
  • Quais são os móveis e acessórios necessários para receber os pets hóspedes?

Essas e outras questões precisam ser levadas em conta, inclusive, para saber se o seu negócio tem capital suficiente para bancar esse novo serviço.

3 – Crie uma política com regras específicas

pet-friendly hotelariaOutro passo importante no planejamento da adoção dessa tendência é o desenvolvimento de uma política específica para a hospedagem de animais de estimação. Nesse documento, você deve definir:

  • Quais são os tipos de animais que seu hotel está apto a receber.
  • O tamanho e o peso máximos dos animais.
  • As documentações exigidas (certificado de vacinação, por exemplo).
  • Os serviços oferecidos.
  • Restrições de uso do espaço do hotel ou pousada.

Essas regras são importantes para proteger o seu estabelecimento e evitar possíveis confusões. Com uma política clara, o hóspede que levar com ele o seu pet vai saber exatamente o que pode e o que não pode fazer com o animal dentro do hotel.

4 – Entenda esse público especial

pet-friendly hotelariaAssim como você busca conhecer as preferências dos seus hóspedes para agradá-los e oferecer uma experiência positiva em seu hotel ou pousada, é fundamental também ter conhecimento sobre o que os animais gostam, o que faz bem para eles e o que deve ser evitado.

Para ajudá-lo a criar um bom ambiente para os bichos de estimação e para os hóspedes, é interessante fazer uma consultoria com profissionais qualificados, como veterinários. Peça ajuda para entender como seu hotel pode se preparar para receber da melhor forma os pets.

5 – Ofereça serviços pet

pet-friendly hotelariaUm biscoitinho para o cachorro no check-in, um bebedouro especial para os animais, alguns brinquedos para os pets brincarem no jardim do hotel. Essas são algumas maneiras de atender esse público especial.

Além disso, é interessante fazer parcerias com empresas do segmento pet para oferecer serviços e produtos especiais. Exemplos:

  • Lojas de roupas e acessórios para cães e gatos.
  • Profissionais especializados para caminhar com os cachorros.
  • Serviço de banho e tosa.
  • Veterinários de plantão.

6 – Estabeleça pacotes de diárias para os animais de estimação

pet-friendly hotelariaÉ interessante oferecer diferentes possibilidades para o hóspede que vai se hospedar em seu hotel ou pousada com seu animal de estimação. Faça pacotes com valores variados, de acordo com os serviços oferecidos pelo seu estabelecimento.

Por exemplo:

  • Pacote 1 – hospedagem e banho.
  • Pacote 2 – hospedagem, banho e tosa.
  • Pacote 3 – hospedagem, banho e tosa e passeio com cuidador profissional.
  • Pacote 4 – hospedagem, banho e tosa, passeio com cuidador profissional e atendimento veterinário 24h.

7 – Use esse diferencial para se destacar

pet-friendly hotelariaDepois de preparar o seu hotel ou pousada com tanto cuidado para receber os hóspedes com seus animais de estimação, é importante destacar esse serviço especial em suas ações de marketing.

Use o fato de o seu estabelecimento ser pet-friendly como um diferencial e atraia os viajantes que não querem deixar seus melhores amigos em casa.

Também é importante incluir essa informação nos sites em que seu hotel está cadastrado (no TripAdvisor, por exemplo), e se cadastrar em portais especializados nesse mercado – tais como o Turismo 4 patas e o Roteiro Animal, citados anteriormente. Assim, os clientes interessados nesses serviços encontrarão seu estabelecimento mais facilmente.

O que você acha dessa tendência?

Você tem interesse em aplicá-la em seu hotel ou pousada? Esse artigo foi útil para você? Deixe um comentário com suas dúvidas e opiniões.

E se o seu estabelecimento já é pet-friendly, compartilhe conosco sua experiência com esse tipo de serviço. Queremos conhecer sua visão sobre esse tema.

Informações: ExameSkiftCorreio 24h   |   Imagens: FreepikFlaticon

Quer mais novidades Gazin Atacado? Curta nossa página!


3 | Deixe seu comentário
Recomende este post: 4
Compartilhe:

Fique atualizado com o mercado.
Receba os artigos do Blog do Varejo por E-mail.

Temas relacionados

Post Relacionados

3

comentários em "Tendência pet-friendly na hotelaria"

Comentar

  1. Cristiani Rabelo disse:

    Gostei muito desse artigo muito interessante, sou estudante de Turismo e o meu TCC é sobre isso , existe muito poucas informações disponíveis spobre esse assunto principalmente sobre o início dos hotéis Pet Friendly fora do Brasil não se encontra nada sobre isso muito obrigado.

Em destaque no Blog do Varejo