Nossas Sugestões

Lições de gestão e liderança de um dos maiores empreendedores do mundo

Lições de gestão e liderança de um dos maiores empreendedores do mundo

Por Redação Blog Gazin Atacado • 5/02/17

Richard Branson é um empresário britânico que lidera mais de 40 negócios em diferentes segmentos – desde música, vestuário, entretenimento, biocombustíveis e até aviação e viagens espaciais.

Fundador do grupo Virgin, Branson aprendeu lições valiosas sobre como comandar empresas de maneira eficaz em seus mais de 45 anos de experiência na área de empreendedorismo e inovação.

Na última NRF Retail’s Big Show, maior feira do mundo voltada ao varejo, ele compartilhou com os participantes alguns desses ensinamentos. 

Nossa equipe prestou atenção em tudo o que ele disse e, agora, apresenta para você algumas das dicas desse grande líder que podem ajudar no gerenciamento da sua loja e da sua equipe. Confira!

1 – Aprenda a delegar e permita o erro

Branson comenta que ele precisa delegar e precisa encontrar profissionais melhores que ele para fazer a gestão das empresas do grupo. Ele afirma que essa autonomia é fundamental para que os funcionários da organização se sintam mais realizados.

O empreendedor ressalta que é preciso acreditar no potencial dos colaboradores, permitir que eles errem (para que não tenham medo de buscar mudanças e melhorias) e sempre procurar ressaltar o melhor das pessoas (e não o contrário).

2 – Cuide do bem-estar dos colaboradores e da comunidade

O líder do grupo Virgin também comenta que as empresas precisam ser mais do que “máquinas de fazer dinheiro”. Para ele, é fundamental que uma organização se preocupe com o bem-estar dos funcionários, se quiseram que eles tenham vontade de levantar e vir trabalhar todos os dias.

Além disso, Branson aponta a importância de cuidar da comunidade em que a empresa está inserida. Isso não apenas por razões sociais, mas para também ser uma inspiração para os colaboradores. “As pessoas trabalharão muito melhor se sentirem que podem ter orgulho da empresa da qual fazem parte”, ressalta.

3 – Busque sempre a inovação para não ficar para trás

Olha que história curiosa:

Há alguns anos, no dia 1º de abril (conhecido como o Dia da Mentira), Branson resolveu pregar uma peça na imprensa e disse que havia inventado a “music box”, uma caixa capaz de armazenar milhares de músicas. Era para ser apenas uma piada, porém, inspirou Steve Jobs, dono da Apple, a desenvolver um produto inovador: o iPod.

Ironicamente, essa invenção prejudicou as lojas de Branson que vendiam CDs na época.

O empresário britânico conta que, com isso, aprendeu uma grande lição: sua empresa precisa buscar a inovação constantemente, precisa acompanhar as mudanças do mercado e dos consumidores. Se você não fizer isso, seu concorrente o fará!

Ah, e também é importante guardar suas ideias – sejam elas inovadoras, criativas ou mesmo surreais – para si, se você não quiser dar ideia para seus concorrentes.

4 – Comporte-se como uma pequena empresa

Mesmo liderando uma multinacional gigante, Branson ressalta que, em alguns aspectos internos, é crucial agir como se fosse uma pequena empresa.

Nesse sentido, ele indica que é importante ter atenção máxima aos detalhes, e que os líderes precisam estar muito próximos na gestão do negócio, cuidando de todos os processos. Além disso, ele frisa que é importante contratar pessoas que se preocupem verdadeiramente com a marca e estejam alinhadas aos valores da empresa.

5 – Conheça de verdade os profissionais que vai contratar

Branson conta que, certa vez, ele iria receber diversos profissionais vindos dos EUA que estavam se candidatando a uma vaga de CEO em uma de suas empresas que ficava na Inglaterra. Na ocasião, ele se fantasiou como um motorista de táxi bem velhinho e foi pegar os candidatos no aeroporto. De acordo com o comportamento e as atitudes das pessoas diante do senhor de idade que estava dirigindo, ele já sabia quais não serviam para o cargo em questão.

Ele comenta que você não precisa se fantasiar, mas conversar com o candidato na recepção, antes da entrevista, sem ele saber que você é o gestor da loja, é uma boa maneira de conhecer de verdade a personalidade do profissional.

Além disso, na hora de encontrar um novo colaborador, ele aconselha a sempre pedir indicação para os funcionários que você considera como os melhores. “Quando pessoas que são muito boas no que fazem indicam alguém, é porque geralmente é também um profissional muito bom”, explica.

Muitas dicas valiosas, não é mesmo? Esperamos que essas lições possam inspirá-lo a ser um líder cada vez melhor!

Sucesso e boas vendas!

Imagens: Flaticon; National Retail Federation; Divulgação
Informações: National Retail Federation; Computer Weekly; Retail Wire

Quer mais novidades Gazin Atacado? Curta nossa página!


1 | Deixe seu comentário
Recomende este post: 12
Compartilhe:

Fique atualizado com o mercado.
Receba os artigos do Blog do Varejo por E-mail.

Temas relacionados

Post Relacionados

1

comentários em "Lições de gestão e liderança de um dos maiores empreendedores do mundo"

Comentar

Em destaque no Blog do Varejo