Nossas Sugestões

A importância da cultura organizacional em pequenas empresas

A importância da cultura organizacional em pequenas empresas

Por Redação Blog Gazin Atacado • 27/09/16

Você pensa que cultura organizacional é algo exclusivo de grandes e médias empresas? Pensou errado!

“Toda organização tem uma cultura. Para algumas, ela é intencional. Para  outras, ela apenas ‘é o que é'”, explica Gene Hammett, especialista em Estratégias de Negócios e articulista do portal da revista Entrepreneur, uma das mais respeitadas sobre empreendedorismo no mundo.

Resta a você escolher qual tipo de companhia quer ter em mãos!

Definição de cultura organizacional

cultura-organizacional-varejo-3Em resumo, pode-se dizer que cultura organizacional é a combinação entre missão, valores, objetivos e políticas  internas e externas de uma empresa.

Para uma perfeita integração à cultura, é preciso deixar esses elementos  claros a todos os envolvidos com o seu negócio – especialmente seus colaboradores. É dentro desse ambiente que eles têm a oportunidade de desenvolver seu trabalho e auxiliar a empresa a crescer. Em contrapartida, com uma cultura interna sólida, as pessoas têm a oportunidade de se desenvolver junto com a companhia.

E quais são os problemas de uma cultura organizacional mal alinhada? Fundamentalmente, eles ficam divididos em duas frentes:

  • cultura-organizacional-varejo-4Riscos internos: falta de clareza no cumprimento de objetivos, não compreensão por parte dos funcionários de que ele está trabalhando por uma causa maior, perda de integração e sinergia entre as equipes.

⇒ Resultados? Baixa produtividade, aumento dos custos, alta rotatividade de pessoas, falta de liderança.

  • Riscos externos: entregas atrasadas, atendimento ruim, exposição dos problemas ao público geral, piora na imagem do negócio perante a opinião pública.

⇒ Resultados? Perda de clientes, redução no volume de vendas, diminuição do valor da marca.

Lições de cultura

Ao conhecer uma empresa de automação de marketing chamada Ontraport, com menos de cem funcionários, Hammet teve um “choque”. Positivo, diga-se de passagem.

Era uma daquelas companhias que criaram um ambiente das “melhores empresas para se trabalhar”, ficando em três listas da Revista Fortune: melhor lugar para a geração Y (Millennials), para mulheres e uma das melhores pequenas empresas.

Curioso, Hammet investigou os motivos desses reconhecimentos. A conclusão foi que a empresa possui:

  • Forte liderança: os líderes são os responsáveis por definir os principais elementos da cultura e como os trabalhos devem ser feitos pacultura-organizacional-varejo-2ra que a organização alcance seus objetivos.
  • Missão definida: a missão é o propósito diário da organização, o motivo pela qual ela existe. Esse item deve ser algo que vá além do lucro. Precisa mostrar o impacto que a companhia tem em sua comunidade e, dessa forma, incentivar cada funcionário a acreditar que que por meio do seu trabalho ele está ajudando a melhorar o mundo.
  • Visão: dentro de uma boa cultura organizacional o colaborador terá a clareza do cultura-organizacional-varejo-7que a companhia pretende alcançar em um período de tempo pré-determinado, como em cinco anos, por exemplo. Mostre às equipes onde a empresa quer chegar e qual é o papel de cada pessoa neste objetivo maior. A visão está a serviço da missão e conta a história de uma organização.
  • Valores organizacionais: são os guias de princípios do local de trabalho. As pessoas devem utilizá-los para trabalharem em favor da missão e da visão da empresa. Quando bem apresentados ao mercado, os valores são uma ótima forma de atrair profissionais.

Alinhamento organizacional

Agora, como garantir que os quatro itens apresentados acima sejam seguidos pelos colaboradores? Veja algumas dicas para fazer com que sua cultura organizacional seja respeitada:

1 – Escolhendo as pessoas certas  

cultura-organizacional-varejo-5O alinhamento com missão, visão e valores começa na seleção de pessoas. Às vezes, surgem ótimos candidatos com currículos que se equivalem. Então, o que fazer quando surgem profissionais com os perfis abaixo?

Candidato A: boa formação, incluindo MBA, já trabalhou em várias empresas, ficando em média dois anos em cada uma. Tem boas referências no mercado de trabalho.

Candidato B: boa formação, não possui MBA, trabalhou sete anos em uma única empresa, crescendo na carreira internamente. Também tem boas referências.

Se na visão de sua empresa estão os objetivos de longo prazo, provavelmente você contrataria o Candidato B. Contudo, se você trabalha com projetos curtos e a empresa tem como marca valorizar profissionais com formação escolar mais ampla, talvez você escolha o Candidato A.

2 – Transparência e comunicação

cultura-organizacional-varejo-6Valores não podem ser apenas itens pendurados na parede. Os líderes devem incentivar as equipes a segui-los e praticá-los diariamente enquanto trabalham. Sabe aquela história de liderar pelo exemplo? Então…

Além disso, a transparência na comunicação e nos objetivos é essencial para que todos se sintam parte de um mesmo time. Portanto, não esconda informações. Isso apenas causa angústia e desalinhamento.

Para minimizar falhas de comunicação, crie o hábito de fazer reuniões periódicas, incentive seus colaboradores a relatarem problemas e crie canais de comunicação interna.

3 – Diversão e reconhecimento

cultura-organizacional-varejo-1Ao ser transparente, você receberá transparência em troca – e poderá conhecer melhor suas equipes. Isso quer dizer que você pode descobrir o que as deixa felizes dentro e fora do trabalho.

Portanto, é essencial realizar atividades “extracurriculares”, incentivar bons relacionamentos, promover happy hours, entre outras ações que agradem os colaboradores.

Por último, não se esqueça: reconheça o bom trabalho. Pense: o que sua companhia tem feito para valorizar seus talentos? Reconhecer mantém o alto nível de engajamento com a cultura da empresa.

Pronto para agir?

Se tiver outras dicas a acrescentar, não deixe de escrever um comentário. Sua sugestão pode ajudar outros profissionais a melhorarem a forma como trabalham a cultura organizacional de suas empresas. E isso, acredite, é bom para todo mundo!

Quer mais novidades Gazin Atacado? Curta nossa página!


4 | Deixe seu comentário
Recomende este post: 8
Compartilhe:

Fique atualizado com o mercado.
Receba os artigos do Blog do Varejo por E-mail.

Temas relacionados

Post Relacionados

4

comentários em "A importância da cultura organizacional em pequenas empresas"

Comentar

Em destaque no Blog do Varejo